Passagens Aereas

Linhas aéreas inteligentes.

Posts Tagged ‘airbus’

TAM Linhas Aéreas consegue controle acionário sobre outra companhia

TAM Linhas AéreasA empresa de linhas aéreas TAM, recebeu na última sexta-feira, dia 12 de Julho, a autorização da Anac, Agência Nacional de Aviação Civil, para ter o controle acionário da ABSA Aerolinhas Brasileiras. Com sede no Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), a ABSA realiza voos para o transporte aéreo de cargas, operando desde 1995.

Desta maneira, a TAM Linhas Aéreas passa a ser responsável por mais quatro aviões com capacidade máxima para transportar 57 toneladas em cada viagem. A empresa de linhas aéreas também inclui 380 funcionários da cargueira ao seu quadro.

A TAM é a maior companhia de linhas aéreas do Brasil, assim como de toda a América Latina. Atualmente a empresa é uma das 20 maiores do mundo e líder no Hemisfério Sul em número de passageiros transportados. Sua sede está localizada em São Paulo, cidade na qual estão dois dos seus principais centros de operações (ou hub), Aeroporto de Congonhas e Aeroporto Internacional de Guarulhos. Além destes, o Aeroporto Internacional Presidente Juscelino Kubitschek e o Aeroporto Internacional do Galeão também servem como principais centros de distribuição de voos da companhia de linhas aéreas. A TAM tornou-se membro da maior aliança aérea mundial, a Star Alliance, consolidando a estratégia de crescimento para ser uma das maiores companhias de linhas aéreas do mundo. Porém, após fusão com a LAN Airlines, terá de sair da aliança, conforme condição imposta pela autoridade financeira chilena que determinou que nenhuma companhia de linhas aéreas do grupo LATAM poderia fazer parte do mesmo grupo que a Avianca/Taca.

A empresa conta com uma frota composta por 160 aeronaves Airbus (A319, A320, A321, A330) e Boeing (B767 e B777) operam na malha aérea da TAM que conta com voos para países na América do Norte, América do Sul e Europa, a TAM conta com 19 destinos internacionais e 42 destinos em todos os Estados do Brasil. A TAM S.A. ainda possui mais duas companhias de linhas aéreas, a subsidiária paraguaia TAM Airlines e a regional Pantanal Linhas Aéreas. Além dessas duas, outras empresas pertencem ao grupo: TAM Aviação Executiva, TAM Cargo, Centro Tecnológico TAM (TAM MRO), Condomínio Industrial TAM, TAM Viagens e a Multiplus Fidelidade.

tam.edestinos.com.br

TAM Linhas Aéreas

TAM terá novos voos entre Uberlândia e Brasília

TAM terá novos voos entre Uberlândia e Brasília

A TAM é a maior companhia de linhas aéreas do Brasil, assim como de toda a América Latina. Atualmente a empresa é uma das 20 maiores do mundo e líder no Hemisfério Sul em número de passageiros transportados. Sua sede está localizada em São Paulo, cidade na qual estão dois dos seus principais centros de operações (ou hub), Aeroporto de Congonhas e Aeroporto Internacional de Guarulhos. A TAM tornou-se membro da maior aliança aérea mundial, a Star Alliance, consolidando a estratégia de crescimento para ser uma das maiores companhias de linhas aéreas do mundo. Porém, após fusão com a LAN Airlines, terá de sair da aliança, conforme condição imposta pela autoridade financeira chilena que determinou que nenhuma companhia de linhas aéreas do grupo LATAM poderia fazer parte do mesmo grupo que a Avianca/Taca. A empresa conta com uma frota composta por 160 aeronaves Airbus e Boeing operam na malha aérea da TAM que conta com voos para países na América do Norte, América do Sul e Europa, a TAM conta com 19 destinos internacionais e 42 destinos em todos os Estados do Brasil. A TAM S.A. ainda possui mais duas companhias de linhas aéreas, a subsidiária paraguaia TAM Airlines e a regional Pantanal Linhas Aéreas. A TAM Linhas Aéreas anuncia o início de voos diretos entre as cidades de Uberlândia (MG) e Brasília (DF). A partir do dia 1º de outubro, a companhia passa a oferecer voos sem escalas que vai beneficiar os clientes da região do Triangulo Mineiro com mais opções de conexões para as principais cidades do Norte, Centro Oeste e Nordeste brasileiro, como, por exemplo, Belém, Manaus, Cuiabá, Goiânia, Salvador e Recife. Os novos voos serão realizados com aeronaves modelo Airbus A-320, com capacidade para 174 lugares. De segunda a sábado, os voos JJ 3227 terão sua previsão de decolagem em Uberlândia, às 7h e chegada a Brasília às 8h02. As passagens aéreas já estão disponíveis para compra no site da TAM.

Linhas Aereas Emirates exibem taça da Copa do Mundo

A Emirates Airline, mais conhecida como Emirates, é a principal companhia de linhas aéreas dos Emirados Árabes Unidos (EAU). Tem como base o Aeroporto Internacional de Dubai, de onde partem quase 700 voos a cada semana rumo aos seis continentes, número que corresponde a 40% do volume de tráfego total do aeroporto.

Linhas Aereas Emirates

A Emirates é uma das 10 principais companhias de linhas aéreas em todo o mundo em termos de receitas, passageiros transportados em seus voos e quilômetros percorridos, e tornou-se a maior empresa de linhas aéreas no Oriente Médio em termos de receitas, dimensão da frota e passageiros transportados. A companhia de linhas aéreas foi fundada em 25 de maio de 1985.

Começou suas operações com duas aeronaves em tratado de leasing com a Pakistan International Airlines, sendo um Airbus A300 e um Boeing 737-300 Karachi e Mumbai seguindo por Deli, em setembro. Em junho de 1990 iniciou operações para Singapura. A Emirates adquiriu em 1 de abril de 1998 43,6% da Air Lanka que mudou de nome para SriLankan Airlines. Em 2001 a Emirates recebeu o prêmio de companhia de linhas aéreas do ano e repetiu a proeza em 2002. Preparando-se para os próximos eventos da FIFA no Brasil - Copa das Confederações em junho deste ano e Copa do Mundo em 2014 -, tripulantes brasileiros da Emirates se juntaram aos passageiros para uma foto com a taça que a seleção campeã erguerá na final da Copa do Mundo de 2014.

Para Boutros Boutros, vice-presidente sênior de Comunicação Corporativa da Emirates “… nosso patrocínio da Copa do Mundo da FIFA permite-nos alcançar uma legião de fãs de futebol ao redor do mundo, compartilhando e apoiando a sua paixão por esse esporte verdadeiramente global.Tem sido gratificante poder oferecer aos fãs de futebol a oportunidade de ver o troféu da Copa do Mundo, graças à VISA, também parceira da FIFA. Procuramos continuamente oportunidades para aproximar os fãs do esporte que eles amam.”, afirmou o vice-presidente.

Linhas Aereas Emirates

Etihad Airways busca expandir seu mercado com parceria

Etihad AirwaysA empresa de linhas aéreas Etihad Airways, originária do Emirados Árabes Unidos, pretende expandir sua presença no continente africano, através de uma parceria comercial com a Kenya Airways, empresa de linhas aéreas do Quênia que realiza voos para transporte de cargas. Com a união das duas companhias, os voos da empresa queniana de Nairobi para 27 outros destinos da África, serão operados sob o código EY da Etihad Airways. Na outra direção, os voos operados pela Etihad de Nairobi para Abu Dhabi, receberão também o código KQ, da empresa de linhas aéreas Kenya Airways, que inclusive irá lançar três novas operações semanais entre estes dois destinos, ainda neste ano de 2013.

Etihad Airways é a companhia de linhas aéreas nacional dos Emirados Árabes Unidos, com sede em Abu Dhabi. Têm voos com destino ao Ásia, América do Norte, Oriente Médio, Europa, e Índia. A empresa de linhas aéreas faz parte da aliança Arab Air Carriers Organization e é a 10ª melhor companhia de linhas aéreas do mundo no ano de 2008, e vem crescendo no ranking mundial.

A companhia foi fundada em 2003, quando alugou 2 Airbus 330-200 da companhia brasileira TAM Linhas Aéreas e utilizou-se da experiência de 24 comissários da mesma empresa para auxiliarem no início de suas operações. Em 2007, a empresa encomendou unidades do Airbus A380-800, o maior avião comercial em operação no mundo.

A Kenya Airways, companhia de linhas aéreas líder africana que realiza voos para mais destinos na África do que qualquer outra empresa aérea, tem orgulho por estar na vanguarda em termos de conectar a África ao resto do mundo e o mundo à África através de seu hub no Aeroporto Internacional Jomo Kenyatta. A crescente frota da companhia de linhas aéreas dispõe de uma combinação de jatos Boeing e Embraer. Pretende ampliar sua frota em conformidade com sua Estratégia de Crescimento de 10 anos, ampliando para cerca de 120 aeronaves em 2021. Planeja também aumentar sua malha aérea em mais de 115 destinos, durante o mesmo período. Seu serviço de bordo é renomado e o assento-cama da classe executiva – Premier World – na parte mais larga da aeronave, foi classificado de forma consistente entre os 10 melhores do mundo. A Kenya Airways está classificada entre as melhores companhias de linhas aéreas na África.

Etihad Airways

China e Airbus buscam voos mais sustentáveis

China e AirbusUma das maiores empresas de energia da China, a China Petroleum and Chemical Corporation (Sinopec) e a Airbus estão desenvolvendo e promovendo a produção de combustíveis renováveis para uso regular em voos de empresas de linhas aéreas comerciais na China. O papel da Sinopec é auxiliar o Governo Central a estabelecer uma certificação chinesa de navegabilidade aérea para combustíveis de aviação alternativos produzidos a partir de matérias-primas cultivadas localmente.

O “1# bio-jetfuel”, primeiro combustível certificado a ser usado nos voos das companhias de linhas aéreas comerciais do país, será produzido pela Sinopec através da utilização de sua própria tecnologia a partir de uma refinaria recém-construída em Hangzhou, cidade próxima a Xangai. A refinaria é uma das poucas no mundo todo com capacidade de produção em larga escala de combustível para voos, a partir de biomassa. A Airbus entra como parceira ao oferecer sua expertise técnica adquirida em processos de certificação anteriores junto aos organismos de normalização de combustíveis da União Europeia e dos Estados Unidos e, também, na escolha de matérias-primas sustentáveis. DAI Houliang, vice-presidente sênior da Sinopec, afirmou que “o Bio-jetfuel está se tornando cada vez mais importante na aviação e no mercado de energia. Ele vai ajudar no crescimento da aviação de forma sustentável e também a atender a crescente demanda por combustível”.